A eficiência da bicicleta como meio de transporte


(Nuro Carvalho) #21

Tu até és uma pessoa inteligente, com conhecimento e cultura… Realmente pena seres tão troll…


(Aónio Eliphis) #22

Há várias alternativas! Tens ainda os velomóveis. Têm carroçaria que te protege das intempéries


(João Almeida) #23

Há dados para o autocarro eléctrico?


(Aónio Eliphis) #24

Não os tenho, mas o problema reside sempre na taxa de ocupação. Que taxa de ocupação colocar. De acordo com os dados, no Reino Unido a ocupação média é 9 pax, mas a Carris aparenta ter 20. Digo aparenta pois parece ser o que se tira daqui. Consegues fazer outra interpretação dos dados da Carris?


(Aónio Eliphis) #25

Boas, obtive dados para os carros elétricos, Tesla e Nissan Leaf. Coloquei na tabela:

Também estive a rever os dados para o elétrico (tram), e tens razão, de acordo com esta fonte, são metade do que pensava, ou seja, rondarão os 430 J/pax-km


(Aónio Eliphis) #26

Ninguém nega que o carro é mais prático em muitas situações. Mas o que o gráfico mede é apenas a energia gasta por pax-km.


(João Almeida) #27

Pois, os dados da Carris, não são muito claros.

Mas gostava era de saber a eficiência do autocarro eléctrico em comparação com o autocarro tradicional (assumindo a mesma taxa de ocupação).

Seria também interessante fazer dois gráficos para a eficiência energética. Um com a taxa de ocupação máxima possível e outro como tens, com a taxa de ocupação média que se verifica na prática.


(Aónio Eliphis) #28

considerando que um motor elétrico é por definição muito mais eficiente que um motor de combustão, os ganhos para o autocarro deverão ser proporcionais a esse ganho de eficiência.

Gráfico agora em Português


(José Miguel Ramos Modesto) #29

Diz antes a ditadura dos automóveis… adivinha lá a quem iam retirar mais espaço se quisessem fazer as ciclovias com maior capacidade? Pois é, pah, não pode ser!

Mas se te achas com uma mente tão aberta, porque é que não adoptas tu essa coisa para o dia-a-dia? Depois partilha como é, carregar casa acima ou prender na rua.


(Rui Igreja) #30

Não tem a ver com eficiência energética em si, segundo o seu comum conceito tecnológico, mas terá a ver com um eventual conceito social e com intensidade energética:
“the planned 400 km cycle network in São Paulo could lead to energy savings equivalent to the production of a smaller hydro power plant.”
https://ecf.com/news-and-events/news/velo-city-day-2-s4c-sessions-–-economy


(João Almeida) #31

Estou a ler “O livro da bicicleta” e o @miguelbarroso tem lá um gráfico mais atualizado sobre a eficiência temporal, com pedelecs incluídas. Fonte: https://www.umweltbundesamt.de/sites/default/files/medien/378/publikationen/hgp_electric_bikes_get_things_rolling.pdf


(Aónio Eliphis) #32

15 km de bicicleta já não é acessível a todos.


(João Almeida) #33

(João Almeida) #34

@Aonio_Lourenco o Blogue Menos Um Carro partilhou hoje a tua imagem. Atualiza lá isso por favor na Wikipedia com o autocarro eléctrico. Acho que dá 437 Joules por metro passageiro.

“The study focuses on a pilot project for California’s Foothill Transit, in which 12 Proterra e-buses logged nearly 400,000 miles of on-road testing. The NREL team found that the battery-electric buses (or BEBs, in bureaucrat-speak) demonstrated average efficiency of 2.15 kWh per mile, which translates to about 17.48 miles per diesel gallon equivalent (DGE). The NABI CNG buses used for comparison had an average fuel economy of just 4.51 DGE.”

https://chargedevs.com/newswire/nrel-report-battery-electric-buses-are-four-times-more-fuel-efficient-than-cng/


(Aónio Eliphis) #35

Entretanto fiz um comparativo para o caso de Lisboa, caso queiras ver

sim, precisa de ser atualizado, e não apenas nesse ponto mas o boeing 747 é um avião muito antigo e julgo que já nem é usado. Quando tiver tempo encomendo isso. Mas se conheceres algum designer que o faça melhor ainda. A imagem é livre de ser editada e tive de pagar a um designer para a produzir.

abraços


(João Almeida) #36

(Sérgio Loureiro) #37

(Three) #38

O cálculo é simples, primeiro calcula-se quantas calorias por Km consome um ser humano de bicicleta. Depois calcula-se quantas calorias contém um litro de combustível. A partir destes dados consegue-se calcular quantos litros equivalentes de combustível um ciclista consome aos 100 Km.


(Three) #39

Ainda é usado :


(João Almeida) #40

Interesting graph.